segunda-feira, 11 de julho de 2011

Festa de São João Batista - Tradição em Dourado.

Encontrado em arquivo pessoal do douradense José Miguel Demeti um folheto datado de 01 de junho de 1902 demonstra a tradição da Festa de São João Batista há mais de 100 anos em Dourado.
Além do registro histórico mostra a solidariedade dos cidadãos douradenses que distribuiam suas participações em várias atividades da paróquia de São João Batista.
A alvorada com a banda, fogos despertando a população sempre foi sinal do início das festas onde na ocasião também prestigiava-se São Sebastião.
As festas regionais tem como característica a variedade cultural, danças e comidas típicas de cada região e na maior parte das cidades onde esta manifestação acontece movimentam o setor turistico.


(Clique na foto)





Confira as principais festas regionais brasileiras:

Festa de N. Sra. da Achiropita: É uma das mais tradicionais da cidade de São Paulo, trazida por imigrantes italianos da região da Calábria e realizada nos fins de semana de agosto no bairro do Bexiga. No evento é servido grande quantidade de massas e vinho e o público participa da procissão em louvor à Nossa Senhora.


Festa do Divino Espírito Santo: É uma das mais antigas práticas do catolicismo popular originada em Portugal no século XI. Festejada após a Páscoa, no dia de Pentecostes - quando o Espírito Santo desceu do céu sobre os apóstolos de Cristo, segundo o Novo Testamento -, tem como elementos característicos a pomba branca e a Santa Coroa, a coroação de imperadores e a distribuição de esmolas.


Círio de Nazaré em Belém do Pará: O Círio de Nazaré é uma romaria portuguesa que segue até o Santuário de Nossa Senhora da Nazaré. No Brasil, é celebrado desde 1793, no segundo domingo de outubro, na cidade de Belém do Pará, partindo da Catedral da Sé. Círio em latim significa vela grande, pois a celebração era realizada durante a noite, daí o uso das velas.


Carnaval: O Carnaval é a maior festa popular do país. Dura quatro dias e prepara para o início da Quaresma, na quarta-feira de cinzas, quando os fiéis usam as cinzas da queima dos ramos (do Domingo de Ramos) para se benzer. Os maiores atrativos, principalmente para estrangeiros, são os desfiles das escolas ou dos blocos de rua. No Rio de Janeiro o desfile acontece na Avenida Marquês de Sapucaí. Em São Paulo, o Carnaval era antes uma festa restrita aos salões, mas hoje segue a influência carioca. Em Salvador, os foliões lotam as ruas da capital baiana, animados por trios elétricos – caminhões equipados com músicos. Em Pernambuco, onde os carnavais de Olinda e de Recife se destacam, os destaques são o frevo e os tradicionais bonecos gigantes.
Pavel Chernec/Embratur
  • O festival folclórico de Parintins é uma festa popular realizada anualmente
Festival de Parintins: Grande celebração folclórica, mobiliza a cidade amazonense de Parintins, em torno da disputa entre os bois Caprichoso e Garantido. Durante a festa acontecem desfiles de carros alegóricos, coreografias e muita música. O espetáculo é realizado anualmente no mês de junho.

Bumba-meu-boi: um dos folguedos mais tradicionais do Brasil, o bumba-meu-boi mistura teatro, dança, música e circo. É uma festividade muito popular em São Luís, capital do estado do Maranhão, e também ocorre em junho.

Micaretas: São os carnavais fora de época. Foram criados na cidade baiana de Feira de Santana, em 1937, por um grupo de pessoas inconformadas com a não realização do Carnaval daquele ano, devido às fortes chuvas. Fez tanto sucesso que virou mania nacional. Desde os anos 90 as Micaretas acontecem em cidades brasileiras.

Folia de Reis: Na tradição católica, a passagem bíblica em que os reis magos, Melchior, Baltazar e Gaspar visitaram Jesus tornou-se data consagrada. Na cultura brasileira, os festejos de Natal eram comemorados por grupos que visitavam as casas tocando músicas alegres em louvor aos “Santos Reis” e ao nascimento de Cristo e estendiam-se até a data dos Reis Magos. Na cidade de Muqui, sul do Espírito Santo, acontece desde 1950 o maior e mais antigo encontro de Folia de Reis, que reúne cerca de 90 grupos vários estados do país.

Festa da Uva: A tradicional festa de origem italiana é realizada a cada dois anos em Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul. Inicialmente era uma reverência à colheita da fruta, mas se expandiu e perdeu o caráter local. A feira agro-industrial, que faz parte do evento, é visitada por mais de 300 mil pessoas e o conhecido concurso de rainha da uva.

Nossa Senhora de Aparecida: No dia da Padroeira do Brasil, milhões de romeiros visitam o Santuário Nacional de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, localizado no município de Aparecida, em São Paulo. A data celebrada, 12 de Outubro, é um feriado nacional.

Festa do peão de boiadeiro de Barretos: Realizada desde 1955, acontece nas duas últimas semanas de agosto, em Barretos, no interior de São Paulo. Além dos rodeios de cavalos e touros, há outras modalidades e shows. Hoje é considerada uma das maiores festas de boiadeiro do mundo devido à ampla estrutura e qualidade dos competidores e animais.

Oktoberfest: A festa catarinense, que acontece no mês de outubro em Blumenau, foi criada nos moldes do festival realizado em Munique, na Alemanha. Atrai todos os anos cerca de 600 mil pessoas, que se divertem com música, dança, cerveja e gastronomia típica.


Festas de São João: Durante todo o mês de junho, Campina Grande, na Paraíba, recebe milhões de turistas na maior festa junina do país. Antigamente, na cidade, aconteciam festas como São João, Santo Antônio e São Pedro. Eram organizadas por pequenos grupos em fazendas, sítios, granjas e clubes, que se reuniam em volta das fogueiras, ao som do forró. Em 1983, a administração municipal decidiu concentrar as festas juninas no centro da cidade. O local do evento foi um terreno que mais tarde virou o Parque do Povo, onde acontecem as grandes atrações da festa: os campeonatos de quadrilhas e os casamentos coletivos.
Outra festa que disputa com Campina Grande o título de Maior São João do Mundo é a do município pernambucano de Caruaru. As comemorações, que duram mais de um mês, levam milhares de pessoas à cidade, atraídos pelos shows, apresentações de dança e comidas típicas.
Outro estado que também vem se destacando nas festas de São João é a Bahia, que tem investido e crescido muito como ponto turístico nesta época do ano.


Festa de Navegantes: A maior festa religiosa de Porto Alegre acontece em 2 de fevereiro e homenageia a Nossa Senhora dos Navegantes. Originalmente, era uma procissão fluvial que levava a imagem da santa do cais do porto do Rio Guaíba até a Igreja de Nossa Senhora dos Navegantes. Hoje, por determinação da Capitania dos Portos, a procissão é terrestre, levando a imagem desde a Igreja de Nossa Senhora do Rosário, no centro da cidade, até a Igreja de Nossa Senhora dos Navegantes.




Fonte de Pesquisa:
Brasil Turismo.
Site: http://www.brasil.gov.br

Ver também neste blog: